Raspberry Pi: usando cartões SDXC de 64GB, 128GB, 256GB ou maiores

A partir da versão 2017-07-05 do Raspbian NÃO é mais necessário executar os procedimentos descritos nesse post. Basta gravar a imagem normalmente.

O Raspberry Pi utiliza, em sua partição de boot, o sistema de arquivos FAT 32, que é um padrão bastante antigo e por esse motivo possui várias limitações, inclusive relacionadas ao seu tamanho máximo.

Existem vários padrões de cartões de memória SD (SD, SDHC e SDXC) e esses padrões são definidos pela SD Association. Cada tipo de cartão SD possui diferenças entre si, porém vamos focar na questão capacidade x sistema de arquivo (Caso tenha interesse em maiores informações sobre os padrões, acesse https://www.sdcard.org/developers/overview/capacity/).

Resumidamente, segundo as definições da SD Association, temos as seguintes definições para os padrões de cartões SD:

  • SD: até 2GB = FAT 12 e FAT 16
  • SDHC: acima de 2GB até 32GB = FAT 32
  • SDXC: acima de 32GB até 2TB = exFAT

Sendo assim, seria impossível utilizar cartões com capacidade acima de 32 GB, uma vez que o sistema de arquivos padrão é exFAT e não FAT32. Felizmente existe uma maneira de “burlar” este padrão.

Abaixo demonstro como utilizar um software de código aberto chamado Fat32Formatter (http://tokiwa.qee.jp/EN/Fat32Formatter/) no Windows 10. Este aplicativo possibilita o particionamento de cartões SD e assim conseguimos “enganar” o Raspberry Pi.

Fat32FormatterEN (183.7 KiB, 585 downloads)

A utilização do aplicativo Fat32Formatter apagará TODOS os dados do seu cartão SDXC!

Os procedimentos abaixo devem ser executados com o cartão SDXC inserido no computador.

Ao executar o programa, será apresentada a seguinte mensagem de erro:

Fat32Formatter01

Clique em OK para continuar.

Acredito que o erro seja devido a alguma incompatibilidade entre o aplicativo Fat32Formatter e o Windows 10, já que a versão da release mais recente do software tem data de 25/08/2013.

Não se assuste, pois a mensagem de erro não interfere em nada em sua utilização.

A seguir será apresentada a interface principal do aplicativo.

Deve-se então escolher o drive físico, onde está inserido o cartão SDXC, pelo menu drop-down chamado Physical Drive:

Fat32Formatter02

No meu caso, como estou usando um cartão SDXC de 64GB, a interface apresentada fica como abaixo.

Fat32Formatter05

Note que no caso do retângulo de cor verde aparecer na cor cinza (imagem acima), deve-se clicar no retângulo cinza para selecioná-lo. Isto fará com que ele fique na cor verde:

Fat32Formatter03

Após selecionar o retângulo, deve-se clicar no botão Initialize Drive, isto fará com que seja habilitada a definição do particionamento do cartão:

Lembre-se da limitação de tamanho imposta pelo sistema de arquivos Fat32 e pelo Raspberry Pi!

Ao clicar no botão Initialize Drive, será apresentada uma mensagem para lembra-lo de que TODOS os dados do cartão serão apagados, clique em OK para continuar (ou Cancelar caso mude de ideia):

Fat32Formatter04

Após clicar em OK, o software habilitará para edição as opções da seção “Format to FAT32“:

Fat32Formatter06

No meu caso, resolvi particionar o meu cartão de 64 GB exatamente ao meio, ou seja:

Fat32Formatter07

Para não utilizar números decimais, resolvi arredondar para baixo o valor encontrado na divisão.

Marque a opção (check box) chamado “Quick Format” e em seguida aperte Start:

Fat32Formatter08

Novamente será apresentada uma mensagem de erro. Não se assuste.

Ignore-a e pressione OK:

Fat32Formatter09

Será apresentada uma tela parecida com a mostrada abaixo:

Fat32Formatter10

Pressione o botão “Update Info” e você verá alguma coisa parecida com isso:

Fat32Formatter11

Pronto! Tanto o particionamento quanto a formatação foi executada com sucesso! Agora basta fechar o aplicativo Fat32Formatter.

Grave a imagem do seu Sistema Operacional favorito na partição criada utilizando o aplicativo Win32DiskImager, como se fosse um cartão SDHC (ou SD) comum e execute o processo de instalação do S.O. no Raspberry Pi.

Caso esteja usando o Raspbian, para expandir o sistema de arquivos e conseguir utilizar todo o espaço do cartão SD, execute o comando abaixo após logar:

Navegue até a opção para expandir o sistema de arquivos e execute o procedimento.

 

20 Respostas para “Raspberry Pi: usando cartões SDXC de 64GB, 128GB, 256GB ou maiores

  1. Olá otimo texto relamente muito bom parabens , estou com uma duvida , adiquiri um cartão 64GB e fiz todo processo mas a partição não foi mostrada no meu computador , apenas 1 de 29,7GB , quero instalar o recallbox e aproveitar os 60GB para encher de jogos como eu faria no caso

    • Olá Rodrigo, tudo bem? Não conheço esta distribuição que você está tentando usar. Ela é baseada em qual distribuição linux?

  2. Higor Palheta

    Olá André, estou pensando em comprar um Raspberry ainda esse mês, e já comecei a pesquisar o que era necessário, no entanto queria comprar um cartão de 64GB e utilizar mais de um Sistema Operacional, em vez de comprar vários cartões menores. Minha dúvida é: “Consigo Particionar o cartão SD, e colocar um sistema operacional em cada partição? e na hora de ligar eu selecionar qual iria iniciar?” Eu já vi que é possível com o berryboot, contudo não tem os S.Os que eu gostaria nele, e não pude fazer os testes devido ainda não ter o Raspberry. O que eu pretendo é usar o Android como SO padrão, instalar o windows 10 que tem no site do Raspberry, quando fosse rodar algum programa e o RetroPI quando quisesse jogar, Eu também pensei em utilizar o Kodi, como media center, mas ele tem a sua versão .apk para android.

    • Olá Higor, tudo bem? Eu nunca pesquisei sobre o assunto, mas acho que não vai ser possível fazer isso que você quer. A arquitetura ARM funciona de uma forma diferente das arquiteturas PC. Até onde sei “BIOS” da arquitetura ARM funciona junto com o sistema operacional. Dê uma pesquisada sobre uboot e entenderá melhor o que eu estou falando. Acho que é mais prático e fácil você ter um microSD para cada sistema operacional. Espero ter ajudado! Boa sorte no seu projeto! Abraços!

  3. Lucas Tenório

    Boa tarde Sr. André.

    O senhor poderia me ajudar por favor: o software FAT32Formatter funciona também no Windows 7?
    Outra coisa: preciso particionar um cartão, para adicionar o sistema operacional Recalbox (baseado em linux). Particionando o espaço, quando instalar o sistema operacional, posso conseguir aproveitar todo o espaço do cartão, ou só uma partição?

    Boa

    • Olá Lucas, tudo bem?

      Não cheguei a testar o FAT32Formatter no Windows 7. Não conheço o Recalbox, porém com uma busca rápida no Google achei informações sobre sua pergunta. Tente pesquisar: recalbox resize partition

      Abraços e boa sorte!

  4. Olá Lucas, espero q esteja bem.

    Eu queria saber se é possível fazer issso com um cartão de 128GB…particionada e utilizar pra colocar mais jogos de PlayStation 1 por exemplo?!

  5. Andre obrigado pela dica.
    Funcionou perfeitamente.
    Parabéns!!

  6. Ola andré, fiz o procedimento tranquilo.. mais ao jogar o sistema no pi3 recalbox 4.0 ele abre, mais quando está em 100 % da um erro, o que pode ser ?
    eu fiz tbm esse procedimento e graei a imagem, ai funciona normal, blz.. quando eu tento colocar em portugues ele reinicia.. meu cartão é um classe 10 scandisk 64gb

    • Olá Douglas! Tudo bem? Nunca mexi com o Recalbox. Aqui eu só uso o Raspbian em inglês. É uma “mania” que peguei lá na época do Windows NT 4.0 que quando se mudava o idioma padrão do sistema operacional, apareciam um monte de problemas. Então de lá pra cá (acho que nos idos dos anos de 1998) eu nunca mais alterei o idioma original dos meus sistemas operacionais. Se eu quero trabalhar em português baixo a versão em português, se quero em inglês ou não existe versão em português eu uso em inglês. Em todo caso, fico feliz que o particionamento tenha funcionado! Abraços!

  7. Leonardo Niteroi

    oi pessoal. eu comprei um cartão Sandisk Ultra microSDXC UHS-I de 64 gb (48 mb/s) para usar no meu Raspberry PI 3 model B e instalar seu próprio sistema operacional. o cartão funciona perfeitamente no PC e transferiu todos os arquivos do NOOBS v2_1_0 sem problemas, mas quando coloca no raspberry ele não reconhece por nada. estou usando um carregador de celular de 5v / 2A. a minha TV reconhece que foi conectado um dispositivo no HDMI, mas não aparece a imagem. então por curiosidade eu usei um micro sd de 32gb também da Sandisk (HC I classe 4), reconheceu perfeitamente e fez a instalação do sistema normalmente. então peço por favor, quem poder me ajudar a solucionar o problema eu agradeço muito.

    • Olá Leonardo, tudo bem? O procedimento está escrito no post. Qualquer dúvida é só perguntar! Boa leitura! Abraços!

  8. Jonathas Soares

    como faço para gravar essa imagem do sistema operacinal pelo win32diskimager?

    • Jonathas, tudo bem? Se você seguiu o passo a passo do post, o Windows só vai apresentar uma unidade, sendo assim, basta configurar o Win32DiskIimager para gravar nesta unidade. Abraços!

  9. Posso usar o mesmo procedimento com um cartão de 128 GB?

    • Olá Felipe! Tudo bem? Pode fazer o mesmo procedimento sim. Só lembre que a primeira partição não poderá ser maior que 32 GB! Abraços!

  10. nao consigo intalar no cartao sandisk 64gb sdxc I U1 C10 ….alguma dica?

    • Olá Rafael, tudo bem? Minha dica é definir a primeira partição com um tamanho inferior a 30 GB. Abraços!

  11. Olá se alguém souber por favor ajude consegui fazer o particionamento do meu cartão de 64 porém não consigo ativar a segunda partição como ext2 para usar no celular como memoria interna.

    • Cleber, as versões mais recentes do Raspbian expandem automaticamente a partição primária, após o primeiro boot, ocupando assim todo o espaço do cartão de memória. Não entendo qual a necessidade de se querer utilizar uma carão de memória com o Raspbian em um celular… O.o

Deixe uma resposta